Crónica da última da corrida da feira de Outubro de Vila Franca – por Joana Mil-Homens.

Ao sexto dia do mês de Outubro, realizou-se a terceira e última corrida de toiros integrada na feira de Outubro de Vila Franca de Xira. Em praça estiveram os cavaleiros Luís Rouxinol, Francisco Palha e António Prates. Para pegar os seis toiros da noite, estiveram os forcados da casa, GFA de Vila Franca de Xira. O curro a ser lidado foi da ganadaria Palha. 

Luís Rouxinol, teve duas boas atuações, sendo que a segunda foi mais bem conseguida, teve uma grandiosa actuação, após os compridos da ordem sacou o Douro, um cavalo que vale ouro e deliciou-nos com um explanar de arte e toureiria.

Francisco Palha brilhou mais uma vez, como já era de esperar, com duas atuações fantásticas, abriu ambas as atuações com duas sortes gaiola fantásticas, sendo que a primeira foi memorável, regalou-nos com uma actuação recheada de maestria com ferros de excelente execução. 

António Prates teve uma primeira lide alegre e bem conseguida, com excelentes ferros e bons momentos de toureiro. Esteve muito bem na brega e a ladear  com um toiro com muita para. Na segunda lide, com menos sorte no curro, ainda assim nos presenteando com bons momentos. 

As pegas da noite, estiveram a cargo do GFA de Vila Franca de Xira que foram consumadas por Nelson Moreira ao primeiro intento, Pedro Silva ao primeiro intento, Guilherme Dotti ao primeiríssimo intento, de meter a Palha Blanco de pé, João Matos ao primeiro intento ( dobrou João Luz, que saiu lesionado após a primeira tentativa), Rui Godinho ao terceiro intento e Vasco Pereira ao terceiro intento. 

A corrida foi dirigida por Tiago Tavares e assessorada pelo médico veterinário Dr. Jorge Moreira da Silva. 

Joana Mil-Homens