Neste dia…

15 de Fevereiro

Por: António Teixeira

1901

FOTO: D.R.

Nasceu João Branco Núncio (João Alves Branco Núncio), em Alcácer do Sal. Fazia hoje 120 anos. Estreou-se com 13 anos na antiga praça de Évora, vindo a doutorar-se no Campo Pequeno no dia 27 de Maio de 1923, apadrinhado por António Luis Lopes. Em 1925, lidou o primeiro toiro em Espanha, faz também hoje 96 anos, tendo sido o primeiro cavaleiro a usar o rojão de morte em Espanha e França. Actuou pela ultima vez no dia 21 de Outubro de 1973, na praça Palha Blanco, alternando com o saudoso José João Zoio.

1948

foto: D.R.

Estreou-se no Campo Pequeno como bezerrista, o matador António Dos Santos (Antonio José Agria dos Santos). Faz hoje 73 anos. É como novilheiro, também no Campo Pequeno no dia 26 de Março de 1950, chegando o dia 24 de Junho de 1952 em que toma a alternativa na praça de Badajoz, apadrinhado por Luis Miguel Dominguim, confirmando a mesma no dia 27 de Setembro em Las Ventas. Nasceu na Golegã no dia 14 de Setembro de 1929, filho do bandarilheiro Carlos Santos e irmão dos bandarilheiros José Agostinho dos Santos e Carlos dos Santos.

1971

FOTO: D.R.

Nasceu Antonio Domecq em Jerez de la Frontera, Cadiz. Faz hoje 50 anos. Com 16 anos, no dia 12 de Setembro de 1987, fez o seu debute na pequena localidade Jiennense de Villa Carrillo. Rejoneador de estilo clássico, foi dos mais contratados nas principais feiras do pais.

1996

Faleceu Dr. Fernando Salgueiro (Fernando Carlos Salgueiro Pinto da Costa), cavaleiro, bisavô de Salgueiro da Costa. Faz hoje 25 anos. Nasceu no dia 7 de Maio de 1913, em Valada do Ribatejo, filho do cavaleiro amador Carlos Pinto da Costa, estreou-se nas arenas no dia 19 de Agosto de 1923, com apenas 10 anos. Licenciou-se em medicina veterinária e em 24 de Abril de 1938, doutorou-se no Campo Pequeno, apadrinhado por João Branco Núncio. Depois de conceder a alternativa a seu filho Fernando Andrade Salgueiro, abandonou as arenas, voltando mais tarde, para apadrinhar o seu neto João Salgueiro, no dia 29 de Maio de 1988. Em 28 de Junho de 1988,o então presidente da Republica, Dr. Mário Soares, atribuiu-lhe o grau de comendador da ordem de mérito.